IPI zero para bicicletas (II)

A tentativa do senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) de incluir o IPI zero para bicicletas na Medida Provisória 628/2013 não deu certo. A comissão mista que analisou o assunto antes da votação na Câmara e no Senado aprovou, no início do mês, relatório de Ricardo Ferraço (PMDB-ES) que rejeitou a emenda de Inácio. A outra MP que recebeu emenda idêntica – MP 638 – ainda não foi votada em comissão. Enquanto isso, o projeto de lei de Inácio com o mesmo objetivo, apresentado em 2009, depois de muitas idas e vindas, aguarda relatório de Romero Jucá (PMDB-RR) na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s