World Bike Tour em Brasília (epílogo)

Era uma vez um World Bike Tour em Brasília…

E o fim da história é realmente fantástico. Marcado e remarcado para cinco datas diferentes (a primeira era 20 de abril), o evento foi finalmente cancelado, segundo comunicado divulgado na semana passada. No site, a “organização” do WBT manifesta “profunda tristeza”, pede desculpas, promete um sorteio de viagem a Portugal para quem se inscreveu à toa, mas não dá nenhuma explicação concreta para a não realização do passeio.

O Governo do Distrito Federal não se manifestou, e a TV Globo, que apoia o evento no Brasil, sequer divulgou o cancelamento. Os preparativos para o próximo World Bike Tour de São Paulo, em 2014, continuam normalmente.

Num comentário em post antigo do blog, a leitora Tania relata que bicicletas doadas pelo WBT a crianças carentes da Estrutural teriam sido recolhidas e nunca devolvidas. Se alguém tiver mais informações, compartilhe, por favor.

ATUALIZAÇÃO EM 23/11/2013: Parece que o cancelamento definitivo pode ter a ver com a cota de patrocínio da Terracap (empresa imobiliária pública do DF), no valor de R$ 500 mil, que não teria sido liberada. Essa cota (Termo de Patrocínio nº 33/2013), no entanto, só foi formalizada em 8/7, ou seja, depois que o passeio já havia sido adiado duas vezes. Naturalmente, a empresa (pública) não se manifesta a respeito, e a WBT prefere não divulgar a razão do cancelamento.

Anúncios

15 Respostas para “World Bike Tour em Brasília (epílogo)

  1. Vamos torcer para que o WBT de SP não seja cancelado. Como o site está fora, ficamos um pouco apreensivos… 😦

  2. Gostaria que a organização se manifesta-se em relação ao ressarcimento das inscrições, sem informação total.

  3. uma palhaçada… não tem informações de nada, apagam os posts que as pessoas reclamam, nem sequer respondem… perguntei tbm sobre o Kids Bike Tour, apagaram…. hahaha parece que esse ano faliram e deram um golpe na galera!!! Lamentavel… estava previsto desde o ano passado , o qual eram bikes Caloi e quando por surpresa foram Prince Bike, a falencia do evento incrivel já começou dando o ar da graça…

  4. Já se passou o prazo de 30 dias e ainda não fui ressarcido!!!! Como porro reaver o meu dinheiro?

  5. ESTA ORGANIZAÇÃO NÃO TEM NADA DE SERIO POIS JÁ SE VÃO OITO LONGOS MESES E ELES COM NOSSO DINHEIRO E NADA DE DEVOLUÇÃO.PRA MIM ELES ESTÃO MAIS PARA CALOTEIROS DO QUE P/ PESSOAS SERIAS. E NÃO A COMO ENTRAR EM CONTATO COM ELES O TELEFONE NINGUEM ATENDE O SITE ESTAR FORA DO AR E AGORA O QUE FAZER. GOSTARIA QUE OS VEICOLOS DE COMUNICAÇÃO NOS AJUDEM A REVER O NOSSO DINHEIRO DE VOLTA. SEM MAIS OBRIGADO

  6. Oi! seria possível você me passar o seu telefone para contato? Estamos querendo produzir uma reportagem falando sobre o fracasso que foi o World Bike Tour em Brasília. Recebemos muitas denúncias de consumidores que foram lesados e não receberam o reembolso da inscrição.

    Sou Marcela e trabalho na TV Brasília – RedeTV
    Telefone: 3314 1480
    mbritomarcela@gmail.com

  7. Também não recebi minha restituição, e paguei por duas inscrição minha e de minha esposa… Na boa intenção até desmarquei compromissos devido as datas e adiamentos …
    Caloteiros mesmos…

  8. Atenção: o passeio de SP também foi adiado. Aviso divulgado na véspera do evento.

  9. Sim, o WBT-SP foi mesmo adiado.. espero que não aconteça o mesmo que aconteceu em DF…

    Falando nos nossos colegas do Planalto Central, creio que os capacetes que deram no kit em SP eram do evento de DF, veja a foto que coloquei no meu blog:

    http://leandromd.blogspot.com.br/2014/01/kit-world-bike-tour-sao-paulo-2014.html

  10. Rodrigo, vou ver se consigo escrever algo sobre o WBT-SP se der tempo, mas dá até raiva de relembrar o evento.

    Por sorte (sorte mesmo), consegui a bicicleta, e em um tempo não tão ruim — mas muitas pessoas, não!

    E, obviamente, peguei a magrela e fui embora! Antes de começar a “largada”, eu já estava em casa, pois eu tinha outro compromisso….

    No Facebook até escrevi algumas coisas para umas pessoas, depois vou tentar compilar de um modo mais estruturado, mas seguem alguns trechos:

    “Muita desorganização para pegar bicicleta, realmente, dei SORTE em pegar a área verde e pegar uma bicicleta mais ou menos boa — com direito a escolher a bike que eu queria (descartei uma com garfo frouxo e outra com corrente solta), com o “luxo” de deixar duas pessoas pegarem na minha frente (tipo “por favor, você primeiro, pode pegar”) e ainda uma pessoa me ajudar a pegar a minha bike, pois tinha 2 bikes na frente.

    Notem: foi SORTE!

    Quando cheguei lá nessa área, a ponte estava dividida em 2 partes: uma fila indiana (um atrás do outro) à direita e uma massa meio organizada meio muvucada à esquerda. Subi no bolo e peguei minha bike e desci pelo mesmo caminho que subi.
    Mas conforme fui descendo, fui avisando para os coitados desavisados na fila indiana: “pessoal, não tem fila, estão pegando a bike lá em cima”. Quando cheguei no começo da ponte, olhei para trás e não havia mais fila indiana, só o bolo massivo. Por um lado, se “causei”, por outro lado livrei muita gente de ficar “morgando” na fila à toa…”

  11. Veja notícia da Band:
    http://noticias.band.uol.com.br/cidades/noticia/?id=100000661270&t

    Para a Globo (UM DOS PATROCINADORES), nada de relatar sobre os problemas que aconteceram, né?
    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2014/02/ciclistas-participam-da-word-bike-tour-2014-em-sao-paulo.html

    Engraçado a Globo só colocar fotos bonitas (http://g1.globo.com/sao-paulo/fotos/2014/02/confira-fotos-do-world-bike-tour-2014.html#F1092241), e não colocar cenas lastimáveis como:
    * pessoas não inscritas simplesmente roubando mais de 2 ou 3 bicicletas;
    * uma mulher chorando com um quadro desmontado na mão;
    * um dos funcionários dizendo que “tanto faz você subir com ou sem identificação, pois não tem bicicleta para todo mundo mesmo”;
    * filas desorganizadas sobre a ponte;
    etc.

    Na minha opinião, esse “grupo reduzido de ciclistas” deveria ter tomado vergonha na cara e ter sido solidário com o resto do pessoal e não ter participado. mas cada um escolher ser egoísta, não podemos interferir nesse direito.

    Durante os últimos dias falei várias e várias vezes: vamos simplesmente pegar as bikes e ir embora, boicote mesmo, esse evento não iria dar certo, mas muitos tinham uma “esperança ingênua otimista”…

    Eis os tais VIPs (com identificação diferente da nossa, número de peito amarelo ao invés de branco, bicicletas com os nomes e “esperando” por eles em lugares pré-determinados) :
    http://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/22503-world-bike-tour#foto-358866

    E a própria Globo depois fala sobre “Ciclistas reclamam das bicicletas entregues no World Bike Tour de 2014”:
    http://globotv.globo.com/rede-globo/bom-dia-sao-paulo/t/edicoes/v/ciclistas-reclamam-das-bicicletas-entregues-no-world-bike-tour-de-2014/3120779/

  12. Completando: eu fui com uma camiseta preta por cima da oficial, eu não queria mesmo usar a camiseta do evento, há dias eu estava falando sobre isso como forma de “protesto”.

    Mas, realmente e infelizmente, fiquei com tanto receio de mais m*rda acontecer, que acabei tirando a minha camiseta preta e preferi usar a tal camiseta do evento com a numeração no peito (pelo menos enquanto estava na ponte para pegar minha bike). Fiquei com medo de ser confundido com os penetras que estavam catando bike. Inclusive quando saí da ponte e peguei a avenida, passei por dois PMs que ficaram meio que me encarando, e foi tenso…

    E minha camiseta estava meio que “personalizada”: um grande XIS em cima do símbolo da globo, e um “JÁ FOI” em cima da numeração onde estava escrito “parabéns São Paulo”…

    E peguei o trem de volta para casa com a camiseta do evento de propósito, e isso perto das 8h ainda, pois queria pegar contra-fluxo do pessoal que estava indo para o evento ainda, e muitos perceberem que eu era uma pessoa do WBT que simplesmente abandonou o evento. Alguns até me perguntaram sobre o evento que iriam participar, e eu não economizei críticas e conselhos…

    Depois que saí do metrô, coloquei a camiseta preta de novo e fui pedalar até em casa.

  13. E os desfavorecidos de Brasília que pagaram e estão a um anos esperando o ressarcimento?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s