A ciclista atropeladora

A notícia tem mais a ver com a singularidade da Justiça americana do que com ciclistas propriamente ditos, mas não resisti. A Suprema Corte de Nova York acaba de aceitar uma ação por negligência contra Juliet Breitman, que, ao disputar uma corrida de bicicleta com o amigo Jacob Kohn numa calçada em frente de casa, atingiu uma senhora de 87 anos. Com o impacto, a mulher caiu no chão, sofrendo uma fratura no quadril.

O juiz responsável pelo caso explica sua decisão dizendo que nada indica que outra pessoa de idade similar à de Juliet “não teria considerado de maneira razoável o risco de correr com uma bicicleta na direção de uma mulher idosa”.

À época do acidente, Juliet tinha 4 anos, e seu amigo Jacob, 5. Os dois andavam em bicicletas com rodinhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s